Arquivo do blog

sábado, 18 de setembro de 2010

Síndrome de Duane


Alteração, pode ser, mas simplesmente a característica de um indivíduo. Nada mais que isto, suas capacidades são perfeitas, seu desenvolvimento normal. 
Se quiser saber um pouco mais, aí está!








Síndrome de Duane (DS) é uma doença rara, congênita do movimento dos olhos distúrbio mais comumente caracterizada pela incapacidade do olho para raptar ou mover para o exterior. A síndrome foi primeiramente descrita por Jakob Stilling (1887) e Türk Siegmund (1896) e, posteriormente, nomeado após Alexander Duane que discutiu a doença de forma mais pormenorizada, em 1905.
Outros nomes para esta condição incluem: Síndrome de Duane retração (ou síndrome do DR), Olho Retração Síndrome de Retração Síndrome Congênita Síndrome de retração e Acalmar-Turco-Duane Síndrome.
 Fonte:  Wikipédia.
A Síndrome caracterizada por limitação marcante de abdução do olho, limitação variável de adução e retração do 
globo e estreitamento da fissura palpebral na tentativa de aducção. A condição é causada por inervação aberrante 
do reto lateral por fibras do nervo oculomotor. Há três subtipos: 
tipo 1 (associado com perda de abdução),
tipo 2 (associado com perda de adução) e 
tipo 3 (perda de abdução e adução).
Foram localizados dois locci para a síndrome de retração de Duane, um no cromossomo 8q13 (DURS1) e, outro no cromossomo 2q31 (DURS2). 
Normalmente é causada por hipoplasia congênita do nervo abducente ou seus núcleos, raramente podendo representar uma síndrome adquirida.
A Síndrome de Duane pode atingir graus maiores ou menores, nos casos menos comprometidos, pode causar simplesmente um pequeno torcicolo. Nem todos os casos existe um comprometimento da visão e muitas vezes o problema é simplesmente estético.
Trabalhos nos EUA demonstraram que a cirurgia  pode comprometer ainda mais o processo. 

21 comentários:

  1. Bom Dia!!! Meu nome é Maria Elisia moro no Rio de Janeiro, tenho uma filha que foi detectado Sindrome de Duane, hoje ela tem 14anos e faz acompanhamento anual conforme orientação da Oftalmologista, gostaria de saber mais detalhe sobre esse assunto e poder contar a história de minha filha.

    meu e-mail: mariaelisia.silva25@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. Meu filho tem sindrome de Duane, gostaria de saber pq a cirurgia pode comprometer ainda mais o processo? E que processo?
    Obrigada! aguardo resposta
    rf.pasqualini@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. Olá meu neto tambem tem sindrome de duane! O Oftomologista falou que não pode opera-ló, ele terá uma vida normal, fiquei preocupada se no futuro poderá afetar a visão dele.Gostaria de saber se tem uma cirurgia pra esse tipo de sindrome que nao prejudique a visão?Obrigada! Aguardo resposta.

    ResponderExcluir
  4. MEU e-mail:evoneide.vieira@hotmail.com

    ResponderExcluir
  5. eu me Chamo Tatiana Tenhu 23 anos tenhu sindrome Duane meu olho esquerdo nao mexe, vejo 2

    ResponderExcluir
  6. Olá eu tenho sindrome de duane no olho esquerdo, quero fazer a cirurgia mas estou com dificuldades para encontrar um especialista. Por favor me envie algum contato de medicos. Obrigada
    sandra

    ResponderExcluir
  7. Boa tarde!!! Minha Filha vai fazer em Janeiro de 2012 a cirurgia para correção ocular de SINDROME DE DUANE assim que eu tiver detalhes vou postar no blog para vocês. Deixo meu e-mail para contato de todos. Abraços

    Elisia
    e-mail:
    mariaelisia.silva25@gmail.com

    ResponderExcluir
  8. ola tenho um filho com sindrome de duane qdo olha p o lado esquerdo gostaria de + informaçoes por favor fermarins2@hotmail.com

    ResponderExcluir
  9. Tenho uma bela filhinha de 8 meses, que também tem duane... nossa estou triste chateada desesperada!! Ela olha para o lado esquerdo e fica estrabica. A oftamologista disse que ela tera uma vida normal, mas sinceramente gostaria de ouvir uma relato de alguem que vive e cresceu com esta sndrome. O que passou, como foi sua vida, se teve discriminação, o que mais nos preocupa como pais é que nossos filhos tenham qualidade de vida e sejam aceitos. Se alguem puder me relatar como foi sua vida com Duane, meu email é deise.scheffel@gmail.com.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ola amiga tenho hoje uma filhinha que vai faser 6 anos e ao 6 meses foi constatada a sindrome de duane fiquei desesperada frustrada e infelis mas passou hoje vejo a menina linda que ela é,isto não vai atrapalhar em nada a sua filha daqui mais uns anos vera que ela mesma arruma a posiçao para olhar e não ficar estrabica. Eu sei quanto doi no coração de uma mãe ver o olhinho do nosso bebê assim mas acredite amiga tudo vai passar e nada disso vai influenciar na vida dela.

      Excluir
    2. Oi, Deise.
      Sei que isso aqui já está a tempão. Sua filhinha já deve estar uma mocinha. =D

      Me chamo Jessica, tenho 29 anos e tenho Duane. Eu enxergo super bem, sempre tive uma vida normal e meus pais nunca cogitaram a cirurgia pq o "problema" sempre foi só estético.

      Essa semana, na minha visitinha anual na oftalmologista especialista (meu único compromisso por causa do Duane), ela me disse algo que me fez vir até aqui e responder o seu post. Espero ajudar a muitos colegas "Duanes".

      Ela comentou que o papel dos meus pais ao longo da minha vida foi muito importante, eles nunca brigaram por eu virar o pescocinho para olhar. Até hoje eu viro o rosto todo para poder olhar para a esquerda. Nada de olhadinha de "rabo de olho". heheh... Nunca deixaram que eu sentisse vergonha de ficar "vesguinha". E essa "liberdade" toda fez com que eu criasse hábitos que nunca estressassem o músculo dos olhos. O que permitiu que eu convivesse muito bem com o Duane, sem sentir dor nenhuma, sem torcicolo nenhum, e com desvio muito pequeno. Ninguém nota que eu tenho Duane. A médica disse que com o estresse dos músculos o paciente com Duane não evolui tão bem assim, e que o desvio acaba aumentando.

      A única dificuldade que eu tenho é olhar para o retrovisor esquerdo quando dirijo. É o único momento em que a olhadinha de "rabo de olho" me faz falta.

      Espero ajudá-la.

      Beijos

      Excluir
    3. Jéssica,

      Envia seu email para poder trocar idéias contigo.
      Abr,

      Lúcia
      jobioka@hotmail.com

      Excluir
    4. Olá Deise, sua filhinha já deve estar uma garotinha linda mas, entrei neste site apenas hoje e resolvi dividir minha história com todos.
      Tenho 38 anos e sou portadora da síndrome de Duane.
      Minha vida toda foi muito normal, não me lembro nunca de qualquer zombaria de colegas pela minha condição um pouquinho "vesga".
      Fui tratada como estrabica na minha infância, usei "tampão" nos olhos, fui submetida àqueles exercícios para movimentar os olhos para todos os lados entretanto, tenho visão perfeita, exceto quando preciso olhar para a esquerda, pois aí viro a cabeça toda ou até o tronco para facilitar a visão (especialmente quando estou dirigindo.
      O diagnóstico de que possuo a síndrome veio quando eu já tinha 25 anos e o especialista disse que encontrei um ponto de posição da minha cabeça para que a ausência de movimento do globo ocular esquerdo não afetasse minha visão.
      Sou uma pessoa feliz, não me sinto discriminada por este "defeitinho", tenho vida normal no trabalho, um filhinho de três anos (que não apresenta a síndrome).
      Portanto, o que quero dizer Deise, é que fique tranquila, de força para que sua filhinha encontre uma posição confortável para sua visão, deixe-a movimentar o corpo todo para enxergar, se isto for necessário e com certeza ela terá uma vida normal, como toda criança!!

      Excluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. eu tenho um filho de 5 anos e tem um duane no olho direito è muito raro pois normalmente os duanes sao no olho esquerdo. foi-me dito que não há operaçao. Gostaria de saber mais.

    ResponderExcluir
  12. Tenho uma filha hoje com 19 anos e ela ja passou por 3 cirurgias sem nenhum comprometimento da visao. Suas cirurgias foram realizadas no Hospital das Clinicas em Sao Paulo e ela nao apresenta mais nenhum aspecto visual da sindrome embora passe todo ano por exames para acompanhamento. Nao sei o nome da medica especialista mas acho que quem quiser pode conseguir informacoes no proprio hospital.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você poderia me dar o endereço da médica, pois a médica que ia operar minha filha ainda não marcou a mesma
      Fico agradecida

      Excluir
  13. O nome da médica especialista que acompanhou o caso de minha filha, e que realizou as três cirurgias é Dra. Mariza Poletti, não sei dizer se ela atende ou somente acompanha os casos cirúrgicos no Hospital das Clínicas, mas no acompanhamento anual de minha filha, às vezes encontramos com ela por lá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Maria Guilherme, vocÊ poderia me informar o telefone do Hospital das Clinicas, para entrar em contato com eles, possuo sindrome de duane e quero fazer uma cirurgia.
      Atenciosamente
      Anna Carolina

      Excluir
  14. Boa noite meu nome é Deise e meu filho tem sindrome de duane estou acompanhando com ele no hospital grupo BOS em sorocaba mais essa semana eu fui no medico ele me disse que só podera operar meu filho quando ele tiver 10 ou 12 anos hoje meu filho de 2 anos e meio,alguem poderia me informar por que fazer a cirurgia mais tarde e por que desse sindrome sera que tem alguma coisa a ver por eu ter tido a "placenta velha" ou por ele ter tido sopro???? Eu não entendo eu gostaria de resolver tudo agora que ele é pequeno assim não ficaria com traumas alguem sabe me dizer se eu estou no lugar certo ou se tem outro hospital que tem especialista em sindrome de duane ?

    grata pela atenção
    Deise josiane

    meu e-mail é : deisejosi@hotmail.com

    ResponderExcluir